O partypoker LIVE Caribbean Poker Party tem início em 15 de novembro e mal podemos esperar o pontapé inicial. Afinal, milhares de jogadores de poker de todo o mundo vão desembarcar em Baha Mar, nas Bahamas, em busca de fama e fortuna.

Nesta temporada, o Main Event do badalado festival vai distribuir uma premiação garantida de pelo menos US$10 milhões, a um buy-in de US$10,300.

E centenas de jogadores vão competir pela título e pela fortuna em jogo terem que gastar quase nada, devido a dezenas de satélites promovidos pela sala nos últimos meses e também graças ao PP LIVE Dollar, a moeda virtual que serve para pagar buy-ins, além de despesas e hospedagem nos torneios do circuito partypoker LIVE.

Essa será a quinta edição do Caribbean Poker Party. No ano de estreia, ainda em 2012, foi organizado pelo Dusk Till Dawn, principal cassino britânico; a segunda vez aconteceu em 2016; e desde então, o torneio vem sido promovido pelo partypoker LIVE.

Já são sete anos desde a primeira vez, portanto. Por isso, vamos fazer uma pequena retrospectiva para relembrar os grandes momentos do CPP. Confira abaixo:

Caribbean Poker Party 2012

A edição inaugural do Caribbean Poker Party foi realizada pelo Dusk Till Dawn. Teve buy-in de US$ 3,000 e contou com um field de 110 entradas.

Quem levou a melhor foi o britânico Wahid “Wadey” Ashraf, que ficou com a premiação de US$ 85,600. Ashraf derrotou na decisão o britânico Rob Yong, parceiro do partypoker e proprietário do Dusk Till Dawn. O vice ficou com US$50,700. Em terceiro, terminou o romeno Cristian Dan, com US$33,100.

Colocação Jogador País Premiação
1 Wahid Ashraf Reino Unido $85,600
2 Rob Yong Reino Unido $50,700
3 Cristian Dan Romênia $33,100
4 J.P. Kelly Reino Unido $24,800
5 Michael Duelks Alemanha $18,700
6 George Wainberg Reino Unido $15,550
7 Dan Murariu Romênia $12,700
8 Paul Grummitt Reino Unido $10,100
9 Martin Cheese Reino Unido $7,800

Caribbean Poker Party 2016

Com uma premiação garantida de US$2 milhões, a segunda edição do torneio foi realizada em 2016, em parceria do partypoker LIVE com o World Poker Tour.

Desda vez um field muito maior – de 536 entradas – esteve presente. Com buy-in de US$4 mil, a premiação total foi de US$2,007,500; 90 jogadores passaram da bolha de premiação.

O título ficou com o canadense Troy Quenneville, que levou US$ 400,000, superando na decisão seu compatriota Eric Cajelais (US$ 250.000); o terceiro foi Edward Van Klooser, do mesmo país (US$ 150.000).

Colocação Jogador País Premiação
1 Troy Quenneville Canadá $400,000
2 Eric Cajelais Canadá $250,000
3 Edward Van Klooser Canadá $150,000
4 Andrei Boghean Romênia $90,000
5 Fabian Jergen Alemanha $70,275
6 Ari Engel Canadá $58,000
7 Anonymous Nova Zelândia $46,000
8 Martin Kozlov Austrália $36,000
9 Anonymous Áustria $28,000

Caribbean Poker Party 2017

Em 2017, o tendência de crescimento de manteve no torneio – que teve buy-in de US$5,300 e garantido de US$5 milhões  e novamente superou as expectativas. Com field de 1,061 jogadores, o prizepool foi de US$5,032,050.

O título ficou mais uma vez com um canadense. Desta vez a glória foi do especialista em High Rollers Sam Greenwood. A conquista lhe valeu $1,000,000. O russo Andrey Shatilov (US$650,000) foi vice e o norueguês Jonas Gjelstad (US$450,000) completou o pódio.

Mojave na mesa final

Nesta edição, o Brasil conseguiu seu melhor resultado no CPP, com Felipe Ramos, o Mojave, que terminou na quinta colocação, levando US$220,000, a maior premiação de sua carreira.

Colocação Jogador País Premiação
1 Sam Greenwood Canadá $1,000,000
2 Andrey Shatilov Rússia $650,000
3 Jonas Gjelstad Noruega $450,000
4 Jiri Horak República Tcheca $315,850
5 Felipe Ramos Brasil $220,000
6 Preben Stokkan Noruega $150,000
7 Udo Erlei Alemanha $100,000
8 Dan Dizenzo Estados Unidos $70,000

Caribbean Poker Party 2018

2018 foi um ano espetacular para a história do Caribbean Poker Party. Nesta temporada, o torneio foi disputado ainda com um buy-in de $5,300 , mas com garantido duas vezes maior – incríveis US$ 10 milhões.

O resultado foi um field com 1.815 entradas, que gerou um overlay de US$ 300.000, do qual se beneficiaram os 223 jogadores que ficaram na zona de premiação.

O grande vencedor foi o português Filipe Oliveira, que cravou o torneio e ganhou $1,500,000. Segundo e terceiro lugares também tiveram premiação de sete dígitos: o americano Craig Mason ficou com $1,200,000 pelo vice e irlandês Marc MacDonnell retornou a seu país com $1,000,000.

Colocação Jogador País Premiação
1 Filipe Oliveira Portugal $1,500,000
2 Craig Mason Estados Unidos $1,200,000
3 Marc MacDonnell Irlanda $1,000,000
4 Pascal Hartmann Alemanha $800,000
5 Konstantin Maslak Rússia $600,000
6 Diogo Veiga Portugal $400,000
7 Alex Turyansky Estados Unidos $300,000
8 Joe Kuether Estados Unidos $218,500

Compartilhe.

Comentários estão fechados.