Raphael Eduardo de Paula viveu na última semana os melhores momentos de uma carreira ainda principiante no poker profissional. Em menos de 48 horas, o jogador – que virou profissional em fevereiro de 2020 e ainda é um regular de torneios low stakes – conseguiu dois hits. O último e maior deles conquistado na tela do partypoker.

Na última sexta-feira, o grinder – atuando sob o nick FueLLeduardo – conseguiu a premiação de 1.554 dólares, a maior em sua carreira, ao cravar o The Headhunter – um dos destaques dos Daily Legends, nova série pensada para oferecer os melhores torneios a jogadores que iniciam uma história no poker e buscam evoluir na carreira.

Morador de Avaré, na região de Sorocaba, interior de São Paulo – o grinder tem, no momento, um buy-in médio de US$ 4.87, e batalha dia após dia para tornar rotineiras as semanas como essa última. Semanas que lhe fazem sonhar com um futuro ainda melhor.

De manobrista a regular lucrativo

Cerca de um ano atrás, Raphael sonhava em ser um profissional do poker, mas não tinha certeza de que essa, de fato, se tornaria sua realidade. Trabalhava então como manobrista num estacionamento de banco em sua cidade. Um emprego que não era dos sonhos, mas lhe garantia estabilidade financeira fundamental naquele momento.

Raphael, então com 27 anos, já estava casado – com Thais, de 21 anos – e tinha uma filha pequena para criar e muitas contas para pagar ao final de cada mês. Viver do poker, começando do zero, era uma decisão difícil a ser tomada.

“Eu percebi que gostava muito do jogo em si, comecei a jogar alguns torneios home games com os amigos, migrei para o live em seguida, obtive alguns resultados legais, e vi que tinha um potencial”, lembra o jogador. “Mas não foi uma decisão fácil, pois tinha meus compromissos financeiros regrados mensalmente, mas algo me dizia que eu poderia chegar longe, e eu ainda vou chegar”.

Não foi fácil trocar a estabilidade de um emprego fixo pela vida como profissional de MTT, mas o jogador escolheu o grind, no começo do ano, quando recebeu uma proposta para atuar pelo Team Forex – equipe especializada em desenvolver iniciantes no poker online.

“Entrei (para o Team Forex) em fevereiro de 2020, eles me proporcionaram uma linha de estudos que os melhores do ramo estão utilizando, nossos materiais, tais como Coach’s, softwares, reviews e análise de database. Tudo para permitir que eu encontrasse meu A game”, diz Raphael. “Sem dúvida, o momento mais marcante da minha carreira foi quando vocês me chamaram para essa entrevista, isso me mostrou que estou no caminho certo”.

“Estou no caminho certo”

 

Ver essa foto no Instagram

 

#1 Powerfest #semvariancia

Uma publicação compartilhada por FueLL e Thaís (@pokercouple13) em

Além da escolha pelo time, os resultados no último ano evidenciam, sobretudo, que o jogador vem trilhando um bom caminho. Entre uma série de bons resultados de Raphael no partypoker, destaque, antes da conquista da Headhunter, para títulos, entre outros, no Bounty Hunter $ 2.20 2K GTD, que lhe valeu US$ 325, em julho, e para o primeiro lugar no Powerfest 7.5 K GTD, em maio, que rendeu ao jogador US$ 802. Pode parecer pouco a quem está acostumado com as cifras do mundo High Stakes, mas são conquistas fundamentais para quem quer crescer.

Rotina diária

Graças a muito estudo, Raphael vem evoluindo rápido e seus primeiros meses no poker profissional vem sendo bem sucedidos. Para isso, diariamente, ele dedica, em média, 12 horas ao grind e mais outras tantas ao estudo, seja teórico, seja análise e revisão de mãos.

“Começo o dia revendo alguns spots específicos que fiquei com dúvidas no dia anterior”, diz o jogador. “Já temos também alguns dias certos na semana onde passamos por aula tanto em grupo, quanto individual. Meu grind é bem pesado”.

Headcoach e streamer: planos no poker

São oito meses de profissionalismo, mas, embora o começo seja bom, ele sabe que para viver do poker a longo prazo precisa evoluir e superar os jogos de stake baixo.

Raphael quer mais. Em uma projeção a curto prazo, planeja, se tornar instrutor da equipe que lhe abriu as portas.

“O Team Forex proporciona aos jogadores um plano de carreira muito interessante, desde treinador até mesmo para sócio do time, estou focado nos estudos para que eu consiga exercer essa função de Head Coach, esse seria o primeiro passo, e meu desejo realmente maior é ajudar o Team Forex a chegar no nível de destaque dos grandes times brasileiros”, diz o profissional.

Além de jogar, estudar e treinar, Raphael, esporadicamente ,transmite ao vivo suas sessões em sua página pessoal na Twitch. Um hábito que ele pretende levar mais a sério e tornar diário num futuro próximo.

“Nessa minha página principal não há vídeos gravados, porque com a nova regra de direitos autorais, eu prefiro não gravar para não tomar algum tipo de punição devido às músicas que deixo rolando durante a live”, conta FueLLeduardo.

“Para falar bem a verdade, não comecei ainda 100% minhas lives, mas tenho um projeto bem legal se encaminhando para que eu faça as lives diariamente”, diz Raphael, sobre seu futuro no universo do streaming, que foi incorporado ao poker e virou febre nos últimos anos, graças a jogadores como canadense Matthew Staples e o brasileiro Lui Martins (ambos membros do Team partypoker).

Início do sonho… Precisa continuar dando tudo certo …

Um ano atrás, Raphael ele só queria se profissional de poker. Como diz o meme, “deu tudo certo” – pelo menos até o momento. Para seguir vencendo, será preciso, eventualmente, aumentar seu bankroll e deixar os limites mais baixos.

O ‘segredo’ para chegar, Raphael sabe bem, é aliar volume, estudo e profissionalismo. Além, claro, de escolher o cenário ideal para subir de nível.

Novidade na reta do partypoker, os Daily Legends – com reentradas limitadas, HUDs banidos, torneios mais curtos – foram projetados para oferecer a melhor estrutura possível para jogadores como Raphael, em momento de ascensão na carreira. Por isso, ele incluiu todos os MTTs do partypoker em sua grade.

“É importante o jogador passar por essa formação, são etapas que todos jogadores que estão começando e que sonham chegar nos high stakes precisam passar”, diz o campeão do The Headhunter. ““Venho jogando regularmente (todos os eventos Daily Challenge), e na minha opinião, não existe um torneio favorito. Com essas novas estruturas, todos estão completamente satisfatórios”.

—//—

MAIS SOBRE O PARTYPOKER

Para consultas e atendimento personalizado em seu idioma, contate latam@partypoker.com ou fala com o nosso WhatsApp Call Center, no seguinte telefone: +55 22 99226-5006 de 10:00 a 22:00 .

Ainda não tem conta no partypoker, crie uma a partir deste link

Compartilhe.

Comentários estão fechados.